A Campus Party é uma celebração única. Alimenta-se do novo, do digital e das vantagens de uma rede mundial consolidada por máquinas, mas idealizada e mantida graças a pessoas de carne e osso, como qualquer um de nós.

Nasceu no velho continente, em 1997. Hoje é considerado o maior evento de inovação, ciência, criatividade e entretenimento digital de todo o mundo. Para comprovar o status adquirido, a Campus reuniu, nos últimos anos, milhares de cidadãos e suas extensões tecnológicas dos quatro cantos do planeta ao redor de uma verdadeira  saudação à partilha de conhecimento, à troca de experiências e à realização de todo o tipo de atividades relacionadas a computadores, às comunicações e às novas tecnologias.

Sabedores do que os aguarda, os participantes da Campus Party seguem rumo ao evento munidos dos mais  diferentes aparatos eletrônicos, malas, barracas e aquela que é sua principal ferramenta: a mente criativa. Lá, deparam-se com uma completa infra-estrutura de serviços, lazer, higiene, segurança, alimentação e, principalmente, tecnologia. Durante uma semana, todos transformam aquele espaço em seu cômodo lar-doce-lar.

Nesta gigantesca família, encontram-se desde estudantes a professores, cientistas, jornalistas, pesquisadores,  artistas, empresários e outros tantos curiosos. Estratégica, a Campus Party consegue ser um dos poucos pontos de encontro físico entre tribos digitais e grandes empresas, além de contar com a participação decisiva das administrações públicas.

Graças a estes ingredientes, a formação de opiniões e a criação de tendências surgem como resultados naturais desta mistura, e o comportamento dos participantes confirma suas posições como vanguardistas, trendsetters, criadores de uma nova economia e responsáveis pelos futuros rumos da tecnologia da informação.

Pelos corredores da Campus Party já passaram convidados de enorme destaque como Neil Armstrong, o primeiro homem a pisar na Lua, em 1969, Eveline Herfkens, coordenadora geral da Campanha dos Objetivos do Milênio das Nações Unidas, e Stephen Hawking, o mais importante físico britânico do mundo contemporâneo.

Em 2008, inaugurou-se no país aquela que seria a primeira edição de uma Campus Party fora de sua terra natal, a Espanha. De lá para cá, o Brasil já foi sede de três edições do evento e, a cada uma delas, mais novidades foram incluídas na programação.

Em sua primeira edição local, a Campus Party reuniu pouco mais de 3 mil participantes. Na última edição, em janeiro de 2010,alcançou o número de mais de 6 mil pessoas desfrutando daquela que é a maior festa mundial da tecnologia. Uma evolução grandiosa para um evento grandioso.

Aberto 24 horas

A Campus Party propõe aos participantes momentos de intensa troca de conhecimentos. E já que estamos falando de um evento de tecnologia, trata-se de um ambiente colaborativo, participativo e 100% conectado à rede durante cada milésimo de segundo. Em 2010, foram mais de 700 horas entre palestras, oficinas, ações especiais e competições de games. Difícil mesmo é conseguir organizar a agenda.

São duas as principais áreas do evento:

Área 1: Arena, Lazer e Serviços

O coração do evento


A Arena é, sem dúvidas, o coração da Campus Party. Ali acontecem os grandes encontros, compartilham-se ideias e, acima de tudo, surgem boas amizades. Nos pontos de rede espalhados por todos os cantos, milhares de participantes instalam seus computadores e assumem seus postos para acompanharem a longa maratona de atividades.

Para parar e descansar


Se a rotina da Arena for muito acelerada, não tem problema. Sempre há um canto para relaxar o corpo cansado, aliviar a cabeça e, quem sabe, tirar um bom cochilo. Mas se preferir ficar acordado, é justamente na área de lazer onde as grandes marcas mundiais colocam à disposição do público suas últimas inovações em produtos voltados ao entretenimento digital.

O conforto acima de tudo


A Área Expo da Campus Party, oferecida pela primeira vez na edição de estreia do Brasil, em 2008, traz ao evento um espaço especial, e totalmente gratuito, onde algumas das maiores marcas do mundo colocam o público em contato direto com suas inovações tecnológicas, antecipando tendências de mercado e permitindo que cada participante conheça de perto a evolução de seus produtos.

Anos adiante

O Campus Futuro, como o nome pressupõe, nada mais é do que uma viagem sem escalas rumo a alguns meses a frente dos tempos atuais. Aqui é possível ter contato com as principais novidades tecnológicas, tanto nacionais, quanto internacionais. É o espaço ideal para conhecer e experimentar os mais vanguardistas gadgets e projetos que prometem revolucionar o mundo em que vivemos.

Para não passar fome

Já que saco vazio não para em pé, uma completa e diversificada Praça de Alimentação é montada para atender a todos. O local, montado em parceria com as melhores marcas de alimentação, reserva uma grande variedade e qualidade de lanches e refeições.

Alguns pontos abordado nas principais oficinas e palestras do Campus Party

  • Ciência
  • Astronomia e Espaço
  • Modding e Eletrônica
  • Robótica
  • Criatividade
  • Social Media
  • Design, Foto e Vídeo
  • Música
  • Inovação
  • Desenvolvimento
  • Segurança e Redes
  • Software Livre
  • Entretenimento Digital
  • Games
  • Simulação
  • Campus Fórum
  • Campuseiros Inventam
  • Campuseiros Empreendem
  • Campus Start-Up
  • Campus Debate
  • Ações Especiais
  • Barcamp
  • Iron Geek
  • Toy Art
  • Campus Verde
  • Expo e Lazer
  • Campus Futuro
  • Inclusão Digital
  • Tecnologia Campus Party
  • IPV6

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*
*
Website