A Microsoft anunciou como serão as versões do Windows 8. Você terá apenas três opções para escolher: Windows 8, Windows 8 Pro e Windows RT – mas só duas delas estarão disponíveis como atualização.

A Microsoft fez esta tabela para detalhar as diferenças entre cada uma das três versões.

O Windows 8 será para a maioria das pessoas. Ele vai rodar em computadores x86 de 32 e 64 bits – explicamos aqui a diferença entre as duas versões. O Windows 8 Pro, também para computadores x86, é uma versão com funções avançadas, como criptografia, virtualização e mais. As duas versões terão suporte a apps Metro, nova tela Iniciar, troca de idioma do sistema operacional e mais – apenas funções bem avançadas ficam exclusivas para o Pro.

E temos o Windows RT (Runtime), a grande novidade da Microsoft. Este é o Windows para ARM, a arquitetura de processadores móveis que ganhou destaque nos últimos anos – como Tegra, Snapdragon e TI OMAP.

O Windows RT estará disponível apenas pré-instalado em tablets e outros computadores com chipset ARM. Ele virá com o Microsoft Office embutido – Word, Excel, PowerPoint e OneNote – feitos para rodar em versão desktop. E o Windows RT terá praticamente todas as funções do Windows 8 para x86, exceto rodar apps x86 (seja Metro, seja para desktop) como o Windows Media Player – do qual você não sentirá falta.

E o que é isto, uma quarta versão? Sim, a Microsoft também terá o Windows 8 Enterprise, que inclui todas as funções do Windows 8 Pro além de funções específicas para departamentos de TI. Ela não entra na contagem porque você não poderá comprá-la – a menos que você trabalhe em compras para a TI de uma empresa, é claro.

O Windows RT é a versão que me deixa mais entusiasmado. Com ela, veremos o Windows em ainda mais dispositivos do que antes, e é nela onde apps Metro – e toda a experiência Metro, na verdade – deve realmente brilhar. [The Windows Blog]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*
*
Website